Segunda, 27 de Junho de 2022 08:11
062 4000-2115
Cidades SAÚDE MENTAL

Conheça as ações de saúde mental disponíveis no município

Coordenadora de promoção e reabilitação e Saúde Mental, que participa de live na campanha Diga Sim à Vida - Depressão Não é Frescura, É doença, detalha atendimentos da cidade

04/05/2022 15h42
Por: Rariana Pinheiro
Conheça as ações de saúde mental disponíveis no município

Com números crescentes de casos de depressão, a saúde mental do vilaboense necessita cada vez mais de atenção. Para debater o tema, a Rádio Ummix Cidade de Goiás tem promovido uma série de debates sobre o assunto, na campanha “Diga Sim Para Vida - Depressão Não é Frescura, É doença”. A ação recebe nesta quinta-feira (4), às 18h45,  uma live com a coordenadora de Promoção Reabilitação e Saúde Mental, Larissa Rodrigues Faria, a psicóloga Doracy Morais e a coordenadora do CAPS Alinne Cristine. Elas vão abordar: “Quais São os Atendimentos Em Saúde Mental na Cidade de Goiás”.

 

Adiantando a conversa, Larissa Rodrigues explica que a referência em saúde mental na Cidade de Goiás é o Centro de Atenção Psicossocial Dr. Aderson Cavalcante Coelho (CAPS-I). Localizado no Centro Municipal de Assistência à Saúde (CEMAS), foi implantado no Município de Goiás em 2008, fazendo Parte da Rede De Atenção Psicossocial (RAPS). Sua especialidade é o tratamento e reinserção social de pessoas com transtorno mental grave e persistente. 

 

“O CAPS-I caracteriza-se por acolher e atender adultos, adolescentes e crianças. São ofertados atendimentos interdisciplinares feitos por uma equipe multiprofissional, composta por: psiquiatra, psicólogos, assistente social, enfermeira, técnica em enfermagem e educadora física. Os atendimentos são diários de segunda a sexta- feira, das 07h às 17h”, detalha. 

 

Larissa informa ainda que em Goiás, foi implantado ainda este ano, as Equipes Multiprofissionais especializadas em Saúde Mental (eMAESM). O serviço promete expandir as ações em saúde mental envolvendo toda rede, ampliando e fortalecendo a oferta de atenção integral às pessoas com transtornos mentais e outros transtornos provocados pelo uso de álcool e outras drogas.

 

De acordo com a coordenadora, o local também fornece orientações aos familiares e assistência de qualidade ao usuário em saúde mental de leve a moderado. eMAESM realiza atendimento diários de segunda a sexta feira, das 7h às 17h. Caracteriza-se por acolher e atender adultos, adolescentes e crianças. São ofertados atendimentos interdisciplinares, composta por uma equipe multiprofissional.

 

“Já em caso de crises psiquiátricas, quando ocorre em domicílio ou em via pública, é geralmente feito Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU)”, conta Larissa Rodrigues, que dará mais detalhes de todos atendimentos na live de logo mais. 

 

Passo a passo Atendimento Psicossocial - Atendimento em Situação de Crise 

 

- O familiar ou responsável pelo usuário aciona o SAMU

- O SAMU direciona o usuário para os Leitos Psiquiátricos existentes na região ou para qualquer ponto de atenção de urgência

e emergência (UPA, Pronto Socorro...) 

- Usuário é acolhido e medicado.

 

- Após o atendimento, havendo a estabilização do quadro inicial, o usuário é acolhido e referenciado a um serviço especializado (CAPS), de acordo com o seu perfil para iniciar o acompanhamento e o apoio psicossocial. Caso já seja  usuário de serviços e de saúde mental, deve ser realizado contato com estes para encaminhá-lo. 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.