Segunda, 27 de Junho de 2022 08:48
062 4000-2115
Dólar comercial R$ 5,24 0%
Euro R$ 5,53 0%
Peso Argentino R$ 0,04 -0.009%
Bitcoin R$ 118.514,21 +0.081%
Bovespa 98.672,26 pontos +0.6%
Economia EMPREGO E RENDA

Mulheres são a maior parte dos desempregados na Cidade de Goiás

Tempo médio de procura de emprego na Cidade de Goiás oscila entre 6 meses e 36 meses

09/02/2021 19h17 Atualizada há 1 ano
Por: Rosângela Aguiar
Foto ilustrativa. Crédito: Gustavo Luizon/VEJA.com
Foto ilustrativa. Crédito: Gustavo Luizon/VEJA.com

 

Com o alto índice de desemprego causado, em especial, pela pandemia do Covid-19, surgiu na Cidade de Goiás o Movimento das Trabalhadoras e Trabalhadores Desempregados da Cidade de Goyaz (MTD). O objetivo é criar uma Cooperativa de Trabalho para garantir ocupação e renda para moradores do município. Para identificar e organizar as pessoas em situação de desemprego, está sendo realizado mutirão por bairros.

As mulheres compõem a maior parte dos desempregados: 60% e homens são 40%, todos com idade entre 17 e 51 anos.  Nesses mutirões, os organizadores identificaram que o tempo médio de procura de emprego na Cidade de Goiás oscila entre 6 meses e 36 meses. Estes números são fruto do mutirão realizado no início de fevereiro no Setor Goiás 2, quando os organizadores foram de casa em casa perguntando a situação dos moradores.

Nos dias 12 e 13 deste mês está programado um mutirão no Setor Rio Vermelho. Os organizadores esperam passar por todos os bairros da cidade e com a criação da cooperativa a expectativa é garantir emprego e renda das pessoas.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.