Quarta, 04 de Agosto de 2021 19:10
62 3371-3000
Cidades CRIME AMBIENTAL

Fogo em entulho quase causa tragédia no Jardim Vila Boa

Por pouco, o fogo não atinge a casa vizinha. Corpo de Bombeiros alerta que a prática é crime ambiental passível de prisão e multa

20/07/2021 18h40
Por: Luiz Castro
 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Ummix Cidade de Goiás (@ummixcidadedegoias)

 

Fogo com labaredas altas chamou a atenção dos moradores do Jardim Vila Boa. Na última semana, uma pessoa não identificada ateou fogo que quase atingiu a casa vizinha. Segundo um morador que enviou a denúncia anônima, o Corpo de Bombeiros foi chamado mas informou que estava com muitas ocorrências em andamento e que não poderia ir.

 

De acordo com o capitão Robledo, do Corpo de Bombeiros da Cidade de Goiás, nas imagens do Jardim Vila Boa fica claro que a pessoa colocou fogo apenas no entulho, porque as chamas, apesar de altas, não chegaram ao resto do terreno. “Se isto tivesse acontecido poderia ter causado uma tragédia”, alerta o capitão Robledo. Esta atitude é crime ambiental passível de prisão de dois a quatro anos mais multa. Além de ser crime, sobrecarrega a guarnição de Combate a Incêndios dos Bombeiros.

 

Somente nos primeiros 19 dias de julho, a instituição atendeu 13 ocorrências de combate direto de incêndio. Isso representa quase uma ocorrência por dia. No mês de junho foram 22 ocorrências deste tipo. Para evitar incêndios em áreas de preservação, pastagens e outros, o Corpo de Bombeiros da Cidade de Goiás realizou 36 ações preventivas no mês de junho e até o dia 19 deste mês foram 21, como aceiros e palestras educativas.

 

Além de causar um incêndio de maiores proporções, a atitude de colocar fogo nas folhas secas, lixo e entulho em terrenos contribui com doenças respiratórias.“Ao colocar fogo no quintal ou terreno para fazer a limpeza, a pessoa além de cometer um crime ambiental, piora a qualidade do ar que já está ruim em função da baixa umidade”, alerta o capitão Robledo. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.