Segunda, 27 de Setembro de 2021 16:13
62 3371-3000
Maiores da Cidade MAIORES DA CIDADE

Marcas Jorlan e Pinauto estão entre as mais conhecidas da Cidade de Goiás

As duas empresas têm uma longa história no mercado e tem sede em Goiânia

04/08/2021 06h00 Atualizada há 2 meses
Por: Rosângela Aguiar
Marcas Jorlan e Pinauto estão entre as mais conhecidas da Cidade de Goiás

 

Durante a pesquisa Maiores da Cidade, foi perguntado para os vilaboenses quais as concessionárias das marcas Chevrolet e Fiat são mais conhecidas. Jorlan e Pinauto ficaram em primeiro lugar, respectivamente. Ambas têm sede em Goiânia, com longa trajetória de trabalho. 

A pesquisa Maiores da Cidade ouviu centenas de vilaboenses nas duas primeiras semanas de abril e tem 95% de confiabilidade e 4,9% de margem de erro. Os pesquisados foram ouvidos 92% em suas residências e 8% nas ruas das quatro regiões pesquisadas (Centro, Bacalhau, Parte Alta e Distritos -Calcilândia e Colônia de Uvá).

 

Concessionária Chevrolet

Não foi por acaso que a Jorlan foi a mais citada na categoria Concessionária Chevrolet com 6% dos votos. O Grupo Jorlan tem mais de 70 anos de história e o diferencial de hoje é trabalhar com diferentes marcas e buscar inovações tecnológicas para melhor atender os clientes. Hoje a empresa está em Goiânia, Distrito Federal e Belo Horizonte (MG). Em segundo lugar, empatadas, ficaram a Cical e a Navesa com 2%. As demais, em 3ª colocação, tiveram 1% das citações: Belcar, Classic, Duca Motores, Fênix Autocar, Govesa, Onix , Potência (Itaberaí), Saga, e Sempre. Algumas têm como carro chefe outras marcas de veículos.

 

Concessionária Fiat

Como a pesquisa Maiores da Cidade teve perguntas abertas, buscando a memória dos vilaboenses, alguns confundiram empresa com modelo de veículo. Foi o que aconteceu na categoria Concessionária Fiat. A Pinauto  ficou em primeiro lugar com 4% das citações. As demais com 1% são: Tecar, Anhanguera, Cevel, Fênix Autocar, Ipê Veículos, Navesa, Valdir e os modelos de veículos Fiat: Pálio, Pick-up Touro, Strada.

Os resultados da pesquisa trazem indicadores quantitativos sobre a memória espontânea dos entrevistados e sugerem indicações subjetivas que formam suas expectativas e hábitos de consumo. Foi aplicado um formulário com duas linhas de pergunta. Uma procurou saber a marca do mercado fixada na memória independente da identificação prévia do setor, ramos ou hábitos especificados. Na segunda questão foram identificados os tópicos dos ramos pesquisados.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.